Melhores jogos nes (nintendinho)

Melhores jogos nes – A Nintendo ao longo anos lanços diversos video games e jogos icônicos, nessa postagens estaremos listando o TOP Jogos do Nintendo Nes, Espero que vocês gostem da seleção que fizemos, sem mais delongas, vamos para a lista:
 
Final Fantasy

10 – Final Fantasy

Lançado em 1987, Final Fantasy deu o pontapé inicial em uma das mais populares séries de RPG da história.
O jogo combinava uma narrativa densa com elementos clássicos de RPG, como múltiplas classes de personagem com habilidades únicas e classes de prestígio.
Final Fantasy foi o título original da série, mas estabeleceu uma base sólida para a franquia, com vários elementos que a acompanham até hoje.

 
Gradius

9 – Gradius

Mais um port dos arcades pelas mãos da Konami, Gradius é um clássico do gênero de navinha – ou shooter de plataforma – que conquistou fãs no NES.
O destaque do jogo ficava por conta do sistema de power-ups, que exigia que o jogador fisesse escolhas para se adaptar aos desafios: escudos, velocidade ou poder de fogo?

 
ninja gaiden

8 – Ninja Gaiden

Mais um jogo da lista dos “Darks Souls” de seu tempo, Ninja Gaiden desembarcou no Nintendinho em 1989 e inovou no nível de dificuldade que jogos de plataforma poderiam atingir.
Alêm da ação frenética e rápida, o jogo trazia puzzles complicados de plataforma, que exigiam um parkour preciso do jogador.
De quebra, o jogo ainda contava com animações cinemáticas narrativas – algo extremamente raro na era 8-bit do NES.

 
Double Dragon

7 – Double Dragon II: The Revenge

Apesar de não ser o primeiro da série no NES, Double Dragon II: The Revenge conquistou um espaço de destaque no console doméstico por ter mantido uma das características mais importantes de sua versão original para arcades: o multiplayer.
A versão também contava com mais inimigos, golpes especiais e diferentes dificuldades, o que fez do título um dos mais completos para quem buscava um jogo cooperativo para se jogar com amigos na época.

 
castlevania 3

6 – Castlevania III: Dracula’s Curse

Assim como Super Mario Bros. 3 pegou todos os elementos do original e foi além, Castlevania III: Dracula’s Curse fez o mesmo pela série de plataforma Castlevania, mostrando o que o NES oferecia de melhor em termos de ação de plataforma.
O terceiro jogo da trilogia acompanhava a história do antepassado de Simon e era consideravelmente mais extenso do que os anteriores, com quatro personagens jogáveis: Trevor Belmont, protagonista do jogo; Sypha; Grant; e Alucard.
O jogo também contava com mapas com caminhos diferentes, o que resultava em diversos finais, dependendo das escolhas do jogador.

 
Mike Tyson’s

5 – Mike Tyson’s Punch-Out!!

Com um visual cartunesco hilário e uma jogabilidade inteligente, Punch-Out!! colocava o jogador na pele de Little Mac, um boxeador iniciante que sonha em se tornar o maior de todos.
Egresso dos arcades e portado para o NES pela Nintendo, o jogo decolou quando chegou ao console doméstico em uma versão que contava com ninguém menos que Mike Tyson como o último chefão.
Tyson, no entanto, era só parte do charme do game: cada um dos combatentes de Punch Out!! tinha seu próprie estilo e uma estratégia diferente para ser enfrentado.
De quebra, o título contava com um sistema de save por senha, que permitia que seus jogadores se dedicassem ao modo carreira sem precisar atravessá-lo de uma só vez.

 
Duck Tales

4 – Duck Tales

Baseado na série animada de mesmo nome, Duck Tales foi o primeiro título licenciado pela Capcom e teve seu desenvolvimento nas mãos de muitos dos produtores responsáveis por Mega Man, como Tokuro Fujiwara.
Seu gameplay era consideravelmente mais relaxado do que de outros jogos de plataforma da época, mas também conquistou uma boa quantidade de jogadores com algumas mecânicas interessantes – como o salto sobre a bengala do Tio Patinhas, que inspirou jogos atuais como Shovel Knight.

 
super mario bros 3

3 – Super Mario Bros. 3

Super Mario Bros. pode ter sido o mais icônico jogo da série, mas Super Mario Bros. 3 que expandiu e aperfeiçoou a fórmula da franquia para torná-la o fenômeno que é hoje.
Com uma série de novas mecânicas, como o traje Tanooki – que abria novas possibilidades de exploração de cenários –, Super Mario Bros. 3 não contava com uma progressão linear de fases, mas sim com um mapa que podia ser explorado de acordo com a vontade do jogador.
O jogo também foi um novo triunfo técnico em relação aos anteriores da série, com melhores gráficos, física e elementos de design, o que ajudou a sedimentar sua importância para a indústria como um todo.

 
megaman 2

2 – Mega Man 2

Lançado em 1987, Mega Man pode ter dado origem à série, mas seu sucessor, Mega Man 2, foi o responsável por levar a série ao estrelato.
O jogo expandiu a franquia com dois chefes e mundos a mais, novas mecânicas, um design mais bem acabado, e algumas das fases e trilhas mais icônicas e memoráveis da franquia.
Mega Man 2 pode ter tido a mesma fórmula básica do antecessor, mas é, definitivamente, um jogo maior e melhor.

 
Metroid

1 – Metroid

Não é sempre vemos surgir um jogo que define não só o seu próprio gênero, mas que dá origem a um gênero completamente novo.
Esse é o caso de Metroid, um jogo de plataforma icônico que tinha a exploração como um de seus pilares mais importantes.
Na pele do protagonista Samus Aran, o jogadores deveriam explorar um mapa labiríntico e completamente interconectado, que o levava de um lado para o outro em busca de power ups que o permitissem avançar na história.
Nascia aí o gênero Metroidvania, um estilo de game que marcou época e que segue inspirando novos título, mesmo após mais de 30 anos de seu lançamento.

 
fontes: Metacritic

Tags

Youtube

Quer assistir vídeos incríveis?

Acesse nosso canal no Youtube

Conhece nosso canal no YOUTUBE?

Increva-se em nosso canal e não perca um vídeo
Clique aqui

Matérias Relacionadas